quinta-feira, 18 de fevereiro de 2010

1º Ano - Seleção e Combinação de Palavras

Como vimos, a língua funciona como um recorte do pensamento, portanto o que expressamos linguísticamente busca apenas se aproximar do que pensamos, não sendo, assim, uma tradução exata.

Para nos expressarmos verbalmente, passamos por dois processos:

Seleção lexical - Nada mais é do que o processo de escolha das palavras que utilizaremos. Leva em conta três pontos:

- A precisão do conceito - É a escolha do termo que melhor traduz a ideia que se quer transmitir, como a língua busca se aproximar do pensamento, aqui se seleciona a palavra mais apropriada para o conceito que queremos.

- Valor social - Falar corretamente não significa necessariamente obedecer regras gramaticais, mas adaptar seu vocabulário ao público com quem se fala. Ora, um palestrante que falará sobre doenças sexualmente transmissíveis para alunos do ensino médio não utilizará o mesmo vocabulário quando tratar com alunos de uma faculdade de Medicina. Em outras palavras, escolhemos palavras distintas em situações distintas.

- Sonoridade - Muitas vezes temos que nos preocupar com os termos escolhidos para não gerarmos sons desagradáveis ou indecorosos, que trarão desprestígio ao sentido do que falamos.


Combinação das palavras

Não basta escolher os termos que serão utilizados, é preciso combiná-los de forma a produzir sentido, flexionando os termos de acordo com a necessidade (tempo e número, por exemplo). A combinação adequada de palavras nos permite evitar a ambiguidade, produzindo, dessa forma, um texto mais claro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário